Páginas

Friday, August 8, 2008

Python ou Ruby? Turbogears x Django x Rails

Bem, não sou o primeiro a fazer esse questionamento. Comecei a procurar a opinião das pessoas, notadamente em blogs, e a olhar os sites de tutorias de cada opção para formar a minha.

Faz um ano que venho desenvolvendo aplicações web usando o Turbogears, que considero muito legal, comparado a coisas como Java para web, PHP, e qualquer outra coisa mais "burocrática".
O TG me permite trabalhar de forma simples e that just works.

Lembro que antes de usar o TG, depois de algum tempo me divertindo com Python, eu queria experimentar ele ou o Django, que eram os frameworks para Python falados na época. Claro, foi também quando fui ver o que era o tal do Zope (nome que vi no dia que resolvi aprender Python...).

Ultimamente o Ruby on Rails tem cada vez mais "batido à porta", e não falta vontade de cair dentro e desenvolver com ele. Até agora eu só vi screencasts, li bastante, ouvi podcasts e mexi em aplicações prontas.

Mas afinal, porquê todo esse papo furado? Hoje temos mais um projeto de desenvolvimento web. Um projeto que deve durar em torno de dois anos no "rítmo universitário". Para ele, a equipe parou pra pensar no que usaríamos. Essa é uma boa hora para ver algo diferente do Turbogears, conhecer novos mundos... mas, o quão novos? Continuar no Python ou pular pro Ruby?
Eu adoro Python, sim, amo mesmo. Deixamos as outras opções de lado e vamos nos decidir entre TG, Django e RoR.

Nos próximos posts vou relatar minha percepção da relação entre Django x TG e RoR x TG.
Como não tenho experiência prática nos frameworks da esquerda, comentários são muito bem vindos! O que pode parecer bom num primeiro momento, pode esconder fraquezas a longo prazo.

No comments: